Retratos da Madeira

  • 35A.jpg
  • 37A.jpg
  • 28A.jpg
  • 22A.jpg
  • 36A.jpg
  • 34A.jpg
  • 9A.jpg
  • 6A.jpg
  • 1A.jpg
  • 18A.jpg
  • 3A.jpg
  • 12A.jpg
  • 32A.jpg
  • 19A.jpg
  • 15A.jpg
  • 31A.jpg
  • 29A.jpg
  • 33A.jpg
  • 23A.jpg
  • 4A.jpg
  • 50.jpg
  • 24A.jpg
  • 17A.jpg
  • 13A.jpg
  • 14A.jpg
  • 21A.jpg
  • 11A.jpg
  • 30A.jpg
  • 27A.jpg
  • 20A.jpg
  • 5A.jpg
  • 25A.jpg
  • 7A.jpg
  • 16A.jpg
  • 26A.jpg
  • 10A.jpg
  • 8A.jpg

Moinho de São Jorge

04 February 2014
Autor :  
Moinho de São Jorge

Não há registo da data de construção do Moinho da Achadinha, na freguesia de São Jorge. No entanto, estima-se que tivesse nascido há mais de 300 anos.

O moinho, alimentado pelas águas da Levada do Rei, foi recuperado no ano 2000 e continua a moer trigo e milho nos mesmos moldes do passado.

Uma tradição secular que desperta a atenção de turistas e residentes que por ali passam. É dos poucos moinhos a água e com a vantagem de se situar junto à estrada. A diferença está na quantidade de milho e trigo moída. Nada se compara à de outros tempos. Ainda assim, pela pedra do moinho passam o trigo, o milho, a cevada e o centeio plantados nos poios agrícolas de São Jorge.

De vez em quando é preciso melhorar o desempenho das pedras do moinho. Ficam gastas com o tempo e uso contínuo. São tiradas e picadas e colocadas, de novo, no lugar. No entanto, quando ficam muito finas têm mesmo de ser substituídas.

O moinho a água, com paredes de pedra, guarda também algumas peças utilizadas nas casas em outros tempos. Objetos em barro, candeeiros a petróleo, artigos talhados em madeira, objetos em linho e um fuso. Memórias do passado agora em exposição e preservadas, ao longo das últimas 4 décadas, pelo moleiro Lino Mendonça e a senhora Ana Rosa. O espaço envolvente também foi devidamente arranjado e ornamentado com flores do campo.

É, sem dúvida, um bom exemplo de preservação do património e das tradições da Madeira. O Moinho está de portas abertas todos os dias entre as 9 e as 20 horas. 

Antes da visita ao Moinho sugerimos um passeio pela Levada do Rei.

Um percurso recomendado que oferece vistas fantásticas de São Jorge e Santana. É possível ainda apreciar uma área de floresta natural rica em biodiversidade. O passeio finaliza junto ao Ribeiro Bonito onde o visitante é confrontado com um coberto vegetal genuinamente madeirense. É um autêntico santuário dominado pela Laurissilva – Património Natural da Unesco desde 1999.

Deixe o seu comentário

Cantinho da Madeira

O Cantinho da Madeira é um projeto direcionado para a comunidade lusófona criado em julho de 2006. O portal, sem fins lucrativos, contempla uma rádio online com programas regulares produzidos por portugueses na diáspora.
Somos Marca Nacional com registo na Sociedade Portuguesa de Autores.

Nossos visitantes

6265983
HojeHoje791
OntemOntem2575
Aviso! Este site utiliza cookies para melhorar e personalizar a navegação dos utilizadores. Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree