ÚLTIMAS RCM

  • Ricky & Sam: uma dupla portuguesa
  • Em nome da lei - Alterações à lei do trabalho
  • Recordar é Viver - Marisa Araújo
  • Sementes de Fé - Fazer as pazes com Deus
  • Humanamente Falando - As crianças e o isolamento social
  • Sinto, logo existo - Luz própria
  • Em nome da lei - Alargamento da garantia
  • Alinhavando a nossa história - A Madeira através da fotografia
  • Hora do Conto - Ó mãe
  • Recordar é Viver - Homenagem a Angela Ornelas
  • Sementes de Fé - Bondade
  • Vanessa Andrade - Cantora e compositora
  • Raíz do Pensamento - Pensar a esperança
  • Vozes do Atlântico - Vânia Fernandes
  • Em nome da lei - Funções da penhora
  • DATE 12/10/2021

Neste episódio está em destaque o dever de informação no âmbito da celebração de contratos de adesão.

A massificação do consumo tem-se estendido de forma significativa às relações contratuais que se querem céleres e imediatas.

É neste contexto que se verifica o fenómeno das cláusulas contratuais gerais unilateralmente estabelecidas pela preponente. Tratam-se de cláusulas padronizadas e destinadas a um número indeterminado de destinatários.

A Drª. Rita Bebiano da Sociedade de Advogados Mano e Rodrigues esclarece as dúvidas numa época marcada pela massificação de contratos.

Lido 79 vezes Última alteração em terça-feira, 12 outubro 2021 21:19
Tagged under:

Artigos relacionados

Visitantes

12528410
Hoje39

O Cantinho da Madeira nasceu no ano 2006 com o objetivo de promover a Região Autónoma da Madeira, em especial junto da comunidade portuguesa no mundo.

Descarregue as nossas APP´s
para iOS e Android

Top
Aviso! Este site utiliza cookies para melhorar e personalizar a navegação dos utilizadores. More details…